Veríssimo lança livro e confirma: é um gênio do nosso tempo

0
27

Luis Fernando Veríssimo é um gênio imune ao tempo. Por anos e anos aguardamos com expectativa uma nova coletânea de crônicas que produzisse diversão e que quebra auxiliasse na busca dos motivos do comportamento humano. O dia chegou. “As mentiras que as mulheres contam” tem crônicas e textos em que o absurdo, diferente e fora do comum são enfocados de maneira diversificada.

Várias histórias podem ser destacadas, como a da mulher que fingia ser mais velha para ser elogiada por sua aparência ou da velhinha de 100 anos que era um baluarte da família e de repente verifica que seus conselhos não tem mais o mesmo efeito.

A mentira está interligada ao gênero político (dominado pelos homens), mas é incrivel como Veríssimo comprova que o trunfo pode ser utilizado pelo sexo feminino com coerência. Por vezes, a mentira não se encontra nas atitudes e sim nas próprias personalidades. Vide a história em que ele reuniu Chapeuzinho Vermelho, Bela Adormecida, Branca de Neve e Mariazinha (do conto João e Maria) para trocar uma ideia após a morte trágica de Rapunzel.

Os textos relatam a obsessão do homem querer viver a mentira perpetuada pela mulher e como por vezes tal tática transforma-se em instrumento até de harmonia social. Veríssimo faz rir e pensar, algo raro em dias de humor obtuso e focado em preconceitos.

Defeitos? Algumas histórias cujo final não tem sentido e o enredo pesado e que tira um pouco do conforto do leitor. Nada, porém, que seja suficiente para impedir que uma média alta seja dada ao escritor que completará 80 anos em 2016. Vida longa ao gênio!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here