Um pódio dos programas esportivos na televisão brasileira

0
14

A televisão vive uma overdose de programas esportivos. Somos submetidos aos mais variados debates e opiniões. O desafio de quem assiste é encontrar algo diferenciado e criativo enquanto que os jornalistas buscam a ideia que possa fomentar a reflexão ou a busca do puro entretenimento. Busquei o primeiro caminho na época que participei do Século 21 Esporte e só colhi frutos positivos, saldo apurado também nas vezes em que estive no “Esporte Campeão”, apresentado por Álberto César.

No meio deste cardápio, quais  programas merecem atenção? Quais são os melhores debates? Quais servem de referência para a discussão jornalística de excelência? Detalhe: vou citar três programas. Isso não quer dizer que os outros sejam horríveis. Vai do gosto de cada um. Para minha formação e visão de futebol, são estes que me contemplam:

– Redação Sportv- O debate apresentado por André Rizek das 10h às 12h é uma mistura interesse. Tem informações de publicações do mundo inteiro, relatos dos correspondentes da emissora nos quatro cantos do mundo e um elenco de debates de qualidade, que vai desde Roberto Avallone, passa por Ruy Castro ou Carlos Cereto. Tudo isso dosado com seriedade, informação e bom humor.

Linha de Passe (ESPN)- Alguns falam que são mal humorados. Outros que são rigorosos ao extremo. O fato é que o carro chefe da ESPN abre espaço para discussões profundas e que abordam todos os ângulos do futebol. Nem a saída de PVC para a Fox provocou queda acentuada. A postura séria de Mauro César Pereira ou leveza de Leonardo Bertozzi produziram uma visão diferenciada.  O programa é o exemplar mais próximo da Grande Resenha Facit, que não teve boleiro na bancada, mas fez história ao colocar gênios do pensamento brasileiro para discutir futebol, como João Saldanha, Nelson Rodrigues e Armando Nogueira. Linha de Passe honra a escola.

Cartão Verde- Por anos e anos foi a referência de debate esportivo aos domingos. Primeiro com Armando Nogueira, depois com Juca Kfouri e José Trajano. Hoje, quando nos deparamos com as piadas e provocamos infames reinantes na televisão aberta, é um alívio assistir ás terças-feiras Celso Unzelte, Vladmir Lemos, Victor Birner e Rivelino discutirem futebol de maneira informal e com conhecimento de causa. O convidado? Ah, esse fala e dá subsídios. Não é pouco.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here