Povo paulista e sua “resignação seletiva”

0
7

Notícia no Jornal “Agora São Paulo” deste domingo mostra um crescimento na venda de purificadores de água. O consumidor está temeroso de consumir a água do volume morto do sistema Cantareira, cujo reservatório encontra-se em 15% de sua capacidade. Diante do pânico, algumas lojas registraram crescimento de 70% nas vendas.

Interessante que relembrei na hora da crise de energia de 2001 quando os paulistas foram aos supermercados e adquiriram lâmpadas com menor consumo ou no período da noite desligavam as geladeiras ou assistiam canais de televisão de luz apagada. Nas duas situações, o quadro é o mesmo: resignação. Nada de cobrar as autoridades, seja de qual for o partido.

Interessante observar como parte da população tem garganta e peito para criticar atos de corrupção (o que é correto), perseguir partidos políticos que estão no banco dos réus, mas não possuem o espírito de cidadania para protestar por melhorias e gestão eficiente dos políticos em relação a prestação de serviços. Escola sucateada? Não estou matriculado! Posto de saúde ineficiente? Pago plano de saúde! Transporte coletivo de péssima qualidade? Adquiro um automóvel e tudo fica por isso mesmo.

Pense: não existe nada mais precioso do que a água. Ela é base para boa parte de nossas ações durante o dia, seja na parte de higiene, alimentação e afazeres domésticos. Você paga uma tarifa e espera ser bem atendido e que o sistema funcione de modo adequado. De repente, você fica sabendo que a água pode acabar. Qual sua reação? Esse é o problema: você, eu e todos nós não reagimos.

Hoje dá para afirmar com segurança: as mobilizações de junho do ano passado foram apenas um espasmo.

Temos diversas instituições de participação política e os personagens engajados são os mesmos. Não existe renovação. Os jovens? Não querem saber! Onde estão os indignados que estavam nas ruas? Meu palpite: certamente em uma loja de eletrodomésticos adquirindo um filtro para água. Triste.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here