Paulo Autuori é demitido do Galo Mineiro. Por que Kalil não viu antes?

0
15

Meu amigo Ariovaldo Izac sempre utiliza uma frase tirada do técnico Diede Lameiro para definir o comportamento dos cartolas: “Todos calçam 40”. Ou seja, são todos iguais. Impossível deixar de lembrar de tal conceito após saber da demissão do técnico Paulo Autuori do Atlético Mineiro.

Claro, a derrota por 1 a 0 para o Atlético Nacional, na Colômbia, não é nenhum desastre e pode ser revertida. É verdade que o Cruzeiro é o último campeão mineiro e isso depois de dois empates.

Bem, o intempestivo presidente Alexandre Kalil pode alegar que o elenco não rendeu o que se esperava na mão do treinador campeão pelo Cruzeiro na Libertadores de 1997 e em 2005 pelo São Paulo.

Ok, é um argumento é até aceitável. Mas por que não viu esses cenários não foram analisados na hora da contratação do treinador? O que lhe impediu de checar os fracassos de Autuori no Vasco, Grêmio e São Paulo? Será que apenas o nome seria suficiente para entregar o banco de reservas do atual campeão da américa?

Deixo claro: Kalil pela sua sinceridade é um dos únicos cartolas que respeito no futebol brasileiro. Pena contar com o pecado cometido pelos outros: colocar a paixão acima da razão. Resultado: vai contratar outro treinador e começar do zero com o campeonato em andamento.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here