Missão urgente: recuperar Alexandre Pato e PH Ganso para 2018

0
18

Independente do próximo eleito a ocupar o cargo de técnico da Seleção Brasileira, um ponto deve destacado, que é a recuperação técnica e emocional de alguns atletas desprezados pela atual comissão técnica e que podem ainda render frutos. Dois nomes vêm a mente: o armador Paulo Henrique Ganso e o atacante Alexandre Pato.

Sejam por lesões ou equívocos na condução das carreiras, os dois atletas perderam a credibilidade no mundo do futebol, apesar do claro potencial técnico de ambos. Sob o comando de Muricy Ramalho os dois até apresentaram um crescimento consistente, mas não no nível que todos esperávamos no inicio de suas carreiras.

Pense por um instante: na atual condição, os dois atletas não seriam úteis diante da indigência ofensiva da Seleção Brasileira? Claro que sim.

Diante disso, o que fazer? O próximo treinador deveria estabelecer um diálogo constante com os clubes em que os dois atletas estiverem inseridos. Usar a psicologia do esporte para trabalhar a questão emocional e também viabilizar o reconhecimento de que precisam de aprimoramento. Sim, porque não dá para aceitar Paulo Henrique Ganso, mesmo com um futebol decepcionante, afirmar que não existe nenhum armador melhor do que ele no futebol brasileiro. Ou a postura apática de Pato a cada erro. Ganso também precisa incutir na mente de que o meia armador clássico, lento, que espera a bola no pé está extinto. A Copa do Mundo demonstrou que jogadores como Toni Kroos são dinâmicos, marcam o adversário e demonstram velocidade. Convenhamos: não é tão difícil enquadrar Ganso no cenário. Basta ele querer.

No campo de jogo, realizar um monitoramento completo de suas atuações e o que precisa ser feito no futuro. Luxo excessivo? Zelo absurdo? Nada disso. É apenas a constatação de que Neymar está sozinho na Seleção. É protagonista sem coadjuvante. Se encontrarem o rumo, tanto Pato como Ganso poderão se constituir nos parceiros ideais para o craque do Barcelona. Não dá para perder a oportunidade.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here