Macaca tropeça, mas pode tirar proveito disso

0
15

Pode parecer incrivel, mas existem derrotas didáticas. Oportunidades em que podemos reciclar conceitos, detectar falhas e nos preparar para as armadilhas do futuro. Essa deve ser a postura adotada pela Ponte Preta após perder do Bragantino por 3 a 1, em pleno Majestoso.

Lógico, não é uma derrota que tira a equipe do grupo de classificação. Mas o sinal de alerta está ligado especialmente porque na sequencia virão Paraná, Portuguesa e Criciúma. Confrontos diretos e que podem definir o lugar da Macaca na tabela ao final do turno inicial.

Também é a hora de fazer ajustes táticos. Jogar com três volantes oferece proteção defensiva mas limita muito as possibilidades de criação. Diante do Bragantino, Renatinho foi seguido por Leandro Vitton e quase não conseguiu criar. Quando a bola caiu nos pés de Mancuso e João Paulo, quase nada acontecia. Para piorar, Ricardinho ficou isolado, com espaço e sem companheiro para jogar.

A conclusão que se chega é que a Ponte Preta ainda é favorita, tem tudo para subir à divisão e tem um elenco de qualidade, além de um técnico que provavelmente no futuro estará em clubes de ponta. Mas mudar um pouco a receita não faz mal a ninguém. Até para não encarar uma surpresa desagradável no futuro.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here