Internacional vence Coritiba e gera a dúvida: por que não disputa o título no Brasileirão?

0
13

Sem fazer uma exibição de gala, com sufoco e eficiência na defesa, o Internacional (RS) venceu neste sábado o Coritiba por 1 a 0. O gol de Vitinho aos 48min do primeiro tempo foi a prova de que velocidade e um contra-ataque bem ensaiado fazem a diferença em um futebol equilibrado e competitivo. Quanto ao Coritiba restou lamentar a perda de oportunidades e as atuações apagadas de Lúcio Flávio e de Kleber Gladiador.

Os 90 minutos disputados pelo time treinado por Argel Fucks são insuificientes para responder uma pergunta recorrente aos fãs do futebol: por que o Colorado não consegue chegar ao título, sonho dourado buscado desde 1979?

Todos os ingredientes necessários o clube tem à disposição. Conta com mais de 146 mil sócios, terá uma cota de R$ 60 milhões para administrar em 2016 e conta com currículo respeitável em competições internacional, como a Copa Libertadores de 2006 e 2010, o Mundial de Clubes de 2006 e conquistas estaduais.

Pesquisamos, investigamos e não encontramos o motivo. Só nesta década, a gangorra prevaleceu, com um quinto lugar (60 pontos) em 2011, 10º colocado com 52 pontos em 2012, 13º colocado com 48 pontos em 2013 e no ano passado terminou na terceira colocação com 69 pontos. Mas o título não chega. Neste ano podem alegar que a dedicação a Libertadores a eliminação para o Tigres tirou o foco dos jogadores. Então como explicar que o São Paulo foi vice-campeão contra o Internacional na Libertadores em 2006 e faturou o título nacional no mesmo ano? A dúvida permanece…

Jogadores? Era só observar o jogo deste sábado para chegar a conclusão de que qualidade não falta. Ou você vai ignorar o talento de Valdivia, Vitinho, Alex e outros que não atuaram como o camisa 10 D´Alessandro.

Hoje tem 37 pontos e até almeja a quarta colocação. Mas é muito pouco para quem disputa o Brasileirão e tem como slogan “Campeão de tudo”. O Internacional é a prova de que o futebol brasileiro não é para amadores.  

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here