Flávio Caça Rato e os aspectos negativos e positivos de sua chegada

0
48

Flávio Caça Rato foi apresentado nesta quinta no Guarani. Um lado positivo e outro negativo deve ser ressaltada nesta apresentação que chamou atenção de toda a imprensa nacional.

Seja pelo lado folclórico ou pelas frases de efeito, o novo atacante reativou o orgulho do torcedor bugrino, cansado dos times limitados e ancorados em Fumagalli, que apesar de exibir técnica e talento, ainda não superou seus problemas físicos, presentes com seus 37 anos. “O Guarani é uma equipe grande. Sei da responsabilidade que estou assumindo. Vou trabalhar firme para conquistar o acesso. Fico feliz pela confiança depositada em mim, sei da responsabilidade. O grupo todo está focado para colocar o Guarani na Série A1. Muita gente espera coisa de mim. Fui muito bem recebido”, disse o jogador na apresentação.

Veja que a declaração tem embutida uma dose de consciência. Ele sabe que a missão é árdua pelo acesso de duas equipes na Série A-2. Cabe ao Guarani destilar todo o seu esforço para colocar o atleta em forma e explorar o seu potencial técnico. Quanto ao jogador, o seu discurso será valorizado se a rede balançar. Caso contrário, não tenha dúvida de que a torcida reclamará e pode apontar o dedo para mais um fanfarrão.

Quanto ao aspecto negativo, nem é preciso escrever ou alongar o comentário. Se a meta era valorizar os patrocinadores, colocar 11 empresas na parte frontal da camisa oficial não foi de bom tom.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here