Comemorar o gol ou não, eis a questão…

0
29

Teremos na noite de hoje o confronto de São Paulo e Ponte Preta válido pela Copa do
Brasil. E um dos personagens centrais será o atacante Luis Fabiano, que possue vínculos
com a Alvinegra, clube em que foi formado. Em rasgo de sinceridade, disse que
tinha duvidas se iria comemorar um gol no gramado do Majestoso. Há duas
semanas, o meia Renato marcou diante do Guarani e teve uma celebração discreto,
em respeito aos torcedores presentes ao Brinco de Ouro.

Em 2010, durante o Campeonato Brasileiro, o atacante Jonas marcou pelo Grêmio
diante do Guarani e chorou no intervalo ao explicar a sua retração após
balançar as redes.

Não
nego: é uma questão intima de cada jogador, mas é um gesto que em certo aspecto
expõe o drama do espirito do jogador brasileiro, dividido entre o amadorismo
inconsequente e o profissionalismo meia boca.

Sim, porque em qualquer outra profissão não existe dúvidas quanto a validade de
realizar um trabalho e celebrar os resultados, independente se ocorrerá ou não
prejuízo a concorrência, mesmo se você saiu de lá recentemente. Os amigos
permanecem, a gratidão permanece, mas a meta é melhorar cada vez, dentro dos
limites éticos.

O jogador de futebol brasileiro precisa entender que ao vibrar com um gol, ele
está atendendo até ao próprio desejo do torcedor que paga seu salário. A
celebração não constituiu em insulto para ninguém, e sim o simbolismo de um
objetivo alcançado. O dia que os astros da bola compreenderem um conceito tão
simples, muitos tabus cairão por terra.

SHARE
Previous articleJosé Carlos Araújo mostra a força do Rádio no futebol
Next articleCollor abriu a boca. A culpa não é dele…
Elias Aredes Junior é jornalista, radicado na cidade de Campinas, Estado de São Paulo. Trabalha como repórter esportivo para o Jornal Todo Dia de Americana e também como comentarista esportivo para a Radio Central AM de Campinas, 870 KHz. Diariamente participa dos comentários na programação esportiva entre as 18:00 e 20:00, além de comentar jogos de futebol nas transmissões ao vivo da emissora. Aqui ele fala sobre tudo, futebol, esporte, política, religião, entretenimento, cultura, culinária, tudo isso sempre com seu olhar crítico e independente.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here