Clubes querem perdão de dividas tributárias. Deputado do PT quer patrocinar a Farra…E exibir competência, ninguém quer?

0
15

Apesar de seus erros, equívocos e personalidades de atitudes decepcionantes, considero ainda o PT como o único partido orgânico e com ideologia que tenha começo, meio e fim. Porém, alguns absurdos não podem passar batido.

Exemplo disso é o projeto de lei apresentado pelo deputado federal Vicente Cândido(PT-SP) e que estipula perdão aos clubes de suas dividas tributárias caso invistam em esportes olímpicos. Um absurdo sem tamanho e um tapa na cara de quem buscar moralizar o esporte no Brasil.

Primeiro porque os clubes tinham dinheiro para pagar boa parte dos tributos. Não pagaram por incompetência administrativa. Em segundo lugar, uma parte dos chamados esportes olímpicos já são contemplados com patrocínios oriundos da esfera pública e da iniciativa privada.

O projeto do deputado ignora um conceito básico: esporte só poderá ser massificado a partir das escolas e nunca com investimento dos clubes.
Claro, os cartolas estão de orelha em pé, prontos para atacar se a farra for autorizada.
Dilma Roussef: ou contraria o mundo da bola e inicia uma fiscalização ferrenha em cima das contas dos clubes ou capitula de vez. Tomara que não seja o fim.

SHARE
Previous articleRonaldinho Gaúcho deve retornar à Seleção Brasileira?
Next articlePonte Preta jogará por si e pelo equilíbrio do Brasileirão
Elias Aredes Junior é jornalista, radicado na cidade de Campinas, Estado de São Paulo. Trabalha como repórter esportivo para o Jornal Todo Dia de Americana e também como comentarista esportivo para a Radio Central AM de Campinas, 870 KHz. Diariamente participa dos comentários na programação esportiva entre as 18:00 e 20:00, além de comentar jogos de futebol nas transmissões ao vivo da emissora. Aqui ele fala sobre tudo, futebol, esporte, política, religião, entretenimento, cultura, culinária, tudo isso sempre com seu olhar crítico e independente.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here