Brasileirão-2013: a melhor edição dos pontos corridos?

0
13

Após nove rodadas, o Campeonato Brasileiro mostra tendência de ser um dos mais equilibrados dos últimos anos. Temos tudo para assistir ao mesmo filme visto em 2009, quando o Flamengo foi campeão com 67 pontos e com a necessidade de superar quatro concorrentes na rodada final e que tinham possibilidades concretas.

O cenário de hoje é até mais equilibrado daquele vivido há quatro anos. Em 2009, após nove rodadas, a liderança estava com o Internacional com 20 pontos, a vice-liderança era do Atlético Mineiro com 18 pontos enquanto que o Vitória tinha 16 pontos. O Palmeiras fechava a zona de classificação à Copa Libertadores com 16 pontos. O Flamengo? Tinha 14 pontos e ocupava uma modesta quinta posição.

Hoje, a liderança está na mão do Cruzeiro com 18 pontos enquanto que o Internacional (RS) é superado nos critérios de desempate. Botafogo e Coritiba fecham a zona de classificação à Libertadores com 17 pontos enquanto que o Bahia, que era considerado candidato ao rebaixamento por todos os especialistas (inclusive por este blog) tem 16 pontos.

Para embaralhar ainda mais as perspectivas, equipes de notável poderio técnico ainda não embalaram na competição como o Grêmio (sétimo colocado com 15 pontos), Corinthians (11º lugar com 11 pontos) e Atlético Mineiro (13º lugar com 10 pontos).

Não há um supertime, mas temos equipe com bons jogadores capazes de empreender e comandar uma reação. Para quem acha que pontos corridos não tem graça, o Campeonato Brasileiro tem tudo para deixar seus detratores sem discurso.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here